Fecomércio entrega a Alvaro Dias pesquisa “Percepção dos Empresários sobre o Alecrim"

O presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, entregou ontem ao prefeito de Natal, Álvaro Dias, o resultado da pesquisa “Percepção dos Empresários sobre o Alecrim”, realizada pelo instituto da própria entidade, sob encomenda da Associação dos Empresários do Alecrim (Aeba), presidida por Pedro Campos.

A pesquisa ouviu 732 empresários, de 8 a 19 de outubro.

A pesquisa aponta que 96,6% das mais de 3 mil empresas instaladas no Alecrim, são classificadas como microempresas, que faturam até 360 mil por ano; como microempreendedores individuais, que faturam até 81 mil por ano; e como empresas de pequeno porte, com faturamento anual entre 360 mil e 3,6 milhões.

Um quarto das empresas ouvidas (25,1%) não empregam ninguém, já que funcionam apenas com o próprio dono.Mais da metade (54,7%) têm, no máximo, seis colaboradores.Das 68% das empresas que são optantes do Simples, 36,9% delas faturam entre R$ 60 e R$ 240 mil por ano; e outras 29% faturam até R$ 60 mil por ano.

No Alecrim, 10,4% das empresas instaladas são do ramo de autopeças e acessórios; 6,9% de vestuário; 6,3% de móveis e decoração; 5,7% são mercadinhos/mercearias/padarias; 5% vendem materiais de construção; 4,5% de utilidades domésticas; 4% de óticas…

Entre os entrevistados, 81% dos empresários foram favoráveis à criação de mais vagas rotativas de estacionamento e 76,1% disseram que isso poderá aumentar as vendas.Os impostos altos são o maior problema para 50,7% dos comerciantes do Alecrim.

Já 23,6% reclamam da falta de crédito bancário.Participaram da apresentação da pesquisa o superintendente do Sebrae, Zeca Melo; o presidente da CDL Natal, Augusto Vaz; e empresários.Acompanharam o prefeito Álvaro Dias, o chefe da Casa Civil, Paulo César Medeiros e o vereador Kleber Fernandes, líder do prefeito na Câmara.

Fonte: Thaysa Galvão

Médicos começam a voltar para Cuba após rompimento com o Brasil


Os médicos foram recebidos por representantes de instituições cubanas no aeroporto (Foto: Marcelino Vazquez Hernandez/ACN)Os profissionais cubanos do programa Mais Médicos já começaram a voltar a Cuba, anunciou nesta quinta-feira, 15, a Agência Cubana de Notícias (ACN). 

O retorno acontece após o governo cubano romper com o Brasil. O rompimento aconteceu, segundo Havana, devido a declarações "ameaçadoras e depreciativas" do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) sobre os profissionais e o programa.

A ACN divulgou que 196 médicos voltaram ao País "contentes por terem cumprido totalmente a missão internacional no Brasil, mas também preocupados com o destino que aguarda este povo com o novo presidente eleito". Os médicos, ainda conforme a ACN, estavam há três anos no Brasil. Eles foram recebidos no Aeroporto Internacional José Martí por representantes de várias instituições cubanas.

Uma das médicas entrevistadas pela ACN, Marianela Leyva Rodríguez, que estava na Bahia, disse que foi correta a medida adotada pelo governo cubano "pois não podemos negociar nossos princípios", mas se mostrou triste por deixar para trás a comunidade que atendia. Ela afirmou que era a única profissional médica que acompanhava os moradores.

Fonte: O Povo Online

No jogo da entrega da taça, Fortaleza vence Juventude por 4 a 1


Foi em grande estilo que o Fortaleza levantou a taça de campeão da Série B 2018 e se despediu de sua torcida este ano em casa. Goleou o Juventude por 4 a 1, no fim da tarde desta quinta-feira, na Arena Castelão, pela 37ª rodada da Série B. Os gols do Tricolor foram marcados por Marlon e Gustavo, cada um duas vezes.

O gol do Juventude foi marcado por Hugo Sanches. Foi, aliás, o primeiro da partida, logo aos 7 minutos. Só não deu tempo sequer de comemorar: no minuto seguinte, Marlon já empatava o jogo. Os gols de Gustavo foram marcados ainda no primeiro tempo, ao 20 e 32 minutos.O segundo tempo foi morno. Fortaleza não só já era campeão como o Juventude já estava rebaixado. Portanto, não foram muitas as emoções nem mesmo os esforços para mudar o placar. Virou uma grande contagem regressiva para a entrega do troféu ao capitão Marcelo Boeck. Só aos 42 minutos, no gol mais bonito do jogo. Independente da real intenção do autor, Marlon mandou no ângulo, enconbrindo o goleiro.

A torcida do Fortaleza fez, de novo, sua parte. O público, de 57.223 pagantes, era o mesmo de Fortaleza 1 x 0 Paysandu, a capacidade máxima do Castelão. Antes da bola rolar, a torcida voltou a fazer mosaico. E, depois, só comemorou, em meio aos fogos de artifício, junto com o time, a campanha perfeita.O Fortaleza ainda entra em campo mais uma vez. Na última rodada da Série B 2018, enfrenta o Coritiba, no Couto Pereira (PR), às 16h15min (horário de Fortaleza) da próxima sexta-feira, 23. 

FORTALEZA 4 X 1 JUVENTUDE — Série B 2018
Local: Arena Castelão
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Assistentes: José Reinaldo Nascimento Júnior (DF) e Luciano Benevides de Sousa (DF)
Público: 57.223 (presentes)
Renda: R$ 1.249.237,00

Fortaleza: Marcelo Boeck, Tinga, Diego Jussani, Ligger e Bruno Melo; Felipe, Nenê Bonilha (Ederson), Marcinho (Romarinho), Dodô (Rodolfo) e Marllon; Gustavo. T: Rogério Ceni

Juventude: Douglas Silva, Vidal, Wagner, Neuton e Esquerdinha; Diones, Hugo Sanches, Felipe Mattioni (Felipe Lima), Leandro Lima (Choco) e Denner; Douglas Kemmer (Amaral). T: Luis Carlos Winck

Gols: Hugo Sanches (7/1º tempo); Marlon (8/1º tempo e aos 42 do 2ºT) e Gustavo (20 e 32/1º tempo)

Fonte: O Povo Online

Trabalhadores são resgatados de trabalho análogo à escravidão no RN


Um grupo de 25 trabalhadores foi resgatado na zona rural de carnaubais interior do Rio Grande do Norte de um situações análogas à escravidão. Eles trabalhavam informalmente na extração de palmeiras nativas e em cerâmicas da região, alguns pernoitando no meio da mata, outros no interior de um baú de um caminhão velho. Os que dormiam nas cerâmicas, não tinham as mínimas condições de higiene e segurança.

A ação foi realizada pelo Grupo Móvel de Fiscalização do Ministério do Trabalho, coordenado pela auditora Gisele ferreira dos Santos Stacholski. Ela conta que e a “degradância das condições de vida e trabalho desses trabalhadores se ampliava ainda mais porque, afora a falta de alojamento, nenhuma estrutura que compõe uma área de vivência minimamente digna era ofertada a eles”.

Segundo constatou-se, não havia instalações sanitárias ou chuveiros para banho, sem condições mínimas de saúde, higiene, conforto ou privacidade. As necessidades fisiológicas eram feitas no mato e eles tomavam banho no meio da vegetação, a céu aberto, utilizando baldes de água. 

Os pertences pessoais dos trabalhadores ficavam pendurados e espalhados no rancho, no chão ou em galhos de árvores, e os trabalhadores não recebiam Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) obrigatórios.

Portal no Ar

Acidente de moto deixou vítima gravemente ferida nesta quinta-feira em Parelhas

Por volta das 17h50 desta quinta (15/11) um acidente de trânsito (queda de moto), deixou uma pessoa gravemente ferida em Parelhas.O fato ocorreu na Rua Daniel Gomes de Oliveira.

De acordo com informações, um cidadão identificado como (Gringo), conduzia uma motocicleta quando veio a perder o controle da mesma vindo de encontro ao solo.Com ferimentos e uma forte pancada na cabeça, populares socorreram a vítima até a Unidade de Saúde de Parelhense.Foi constatado afundamento de crânio na vítima e devido a gravidade do caso o mesmo foi transferido para a capital do estado.

A Polícia Militar foi acionada e chegando ao local da ocorrência a vítima já havia sido socorrida por populares e a motocicleta não foi encontrada pela Polícia.

Polícia Civil cumpre mandado de prisão por homicídio no bairro Lagoa Nova em Natal

Policiais civis da Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) com o apoio da Divisão de Polícia Civil do Oeste (DIVIPOE), Núcleo de Inteligência da Polícia Civil (NIP) e do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) cumpriram, nesta quarta-feira (14), um mandado de prisão temporária contra Alessandro Patrick Batista Ramos Ferreira, 32 anos.

Ele é suspeito de ter envolvimento no homicídio de Francisco “Kiquica”, que foi assassinado na frente de sua esposa e da filha de 4 anos, dia 7 de novembro na Av. Amintas Barros, bairro de Lagoa Nova. Alessandro Patrick já cumpria pena em regime semiaberto, por tentativa de homicídio. Após as investigações da equipe da DHPP, ficou comprovado que Alessandro esteve no horário e local do homicídio de Kiquica.

Além do cumprimento do mandado de prisão por homicídio, Alessandro Patrick foi encontrado com uma pistola calibre 380, sendo autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

Fonte: Agora RN

DENARC prende suspeito por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo


Policiais Civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) prenderam em flagrante, na tarde desta quarta-feira (14), Fábio Gomes Frazão, 35 anos, suspeito pela prática do crime de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo com numeração suprimida, no bairro de Neópolis.

A ação ocorreu após denúncias anônimas que informavam sobre o tráfico de drogas na sua residência, os agentes realizaram uma abordagem e apreenderem arma de fogo, munições, 94 trouxinhas de maconha prontas para venda, porções da droga, balança de precisão, dinheiro fracionado e dois pés de maconha.

A população pode ajudar no trabalho da DENARC com informações que podem ser enviadas de forma anônima e com garantia de sigilo absoluto para o Disque-Denúncia 181.

Fonte: Agora RN

Preso dois homens suspeitos de praticar roubos na saída da cidade de Arez

Policiais civis das delegacias de Arez e Goianinha deflagraram, nesta quarta-feira (14), a Operação “Rota Segura”, que resultou nas prisões de Leonildo Felix Gomes, vulgo “Leo” e Gustavo Augusto da Silva Nascimento, vulgo “Camisinha”. O objetivo da operação é combater os crimes violentos contra o patrimônio (roubos) ocorridos na rota de saída da cidade de Arez em sentido à BR-101.

Após diversas diligências investigativas e a produção de provas, foi decretada a prisão preventiva e o cumprimento de mandados de busca a apreensão em desfavor dos investigados.

O apoio da população sempre é fundamental para o êxito de diversas ações da Polícia Civil, razão pela qual pedimos que os cidadãos do município continuem denunciando anonimamente, através do Disque Denúncia da Delegacia de Polícia de Arez 3242-2242 ou pelo número 181.

Fonte: Agora RN

Campeonato Potiguar Feminino começa nesta quarta-feira com 3 clubes

O Campeonato Potiguar de Futebol Feminino deste ano está definido para começar nesta quinta-feira(15). Três clubes confirmaram participação no torneio: Cruzeiro de Macaíba, Parnamirim e Palmeiras F.C.

A bola começa a rolar no dia 15 de novembro, no Estádio José Jorge de Maciel, em Macaíba. Parnamirim e Palmeiras F.C se enfrentam às 15h30.

O estadual será disputado por pontos corridos, em jogos de ida e volta. Portanto, o campeão será o time que conseguir o maior número de pontos após as seis rodadas.

Confira a tabela e o regulamento completo:

Fonte: Agora RN

MPRN inicia ação para combater lixões irregulares nos municípios


O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) assinou termo de ajustamento de conduta com 47 cidades para adequações em lixões irregulares. As prefeituras têm até o fim do ano para adotar medidas para a destinação final de resíduos sólidos.

Segundo a promotora Mariana Barbalho, do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Meio Ambiente (CAOPMA), a medida faz parte do projeto “Lixo Negociado”, que prevê o combate dos lixões irregulares em todo o Estado. Atualmente, apenas 12 cidades potiguares dão a destinação correta aos resíduos urbanos domésticos.

“O projeto começou após diversas vistorias em lixões. Encontramos mais de 100 áreas de descarte irregular de resíduos sólidos”, conta a promotora. A iniciativa começou com 22 municípios da região Seridó e Oeste, mas já está se aproximando do Agreste e Litoral.De acordo com a promotora, o consórcio dos municípios da região do Seridó tem R$ 22 milhões à disposição para a construção de um aterro sanitário. O recurso é oriundo do Governo Federal.

A expectativa do Ministério Público Estadual é fechar o ano com 50 cidades incluídas no projeto “Lixo Negociado”. As Promotorias de Justiça do Meio Ambiente iniciarão as fiscalizações nas cidades que participantes da iniciativa a partir do primeiro semestre de 2019. “Os municípios precisam adotar medidas para destinar de forma correta o lixo doméstico.

Os lixões precisam ser encerrados. Enquanto os aterros sanitários não forem construídos, as cidades terão de cercar os locais, impedir o fluxo de pessoas e construir valas para enterrar parte dos resíduos”, finaliza Mariana Barabalho.

Fonte: Agora RN

Moto foi tomada de assalto na cidade de Parelhas

Por volta das 21h30 desta quarta (14/11), foi registrado no município de Parelhas um assalto.O fato ocorreu as margens da RN 086 entre Parelhas e a Comunidade Rajada.

De acordo com informações, a vítima identificada como Hugo José Dantas se descolava da cidade de Carnaúba dos Dantas para o trabalho em uma empresa na cidade de Parelhas. Quando o mesmo chegou ao local de trabalho foi abordado por dois indivíduos armados, onde anunciaram o assalto.

Da vítima foi tomada uma moto modelo Honda CG 150 Titan, de cor preta, placa OFF 9636.Após a ação os acusados fugiram.A Polícia Militar foi acionada realizou diligencia mas até o momento não conseguiu localizar os acusados.

Fonte: Marcos Silva

Para não voltar a Cuba, médicos fogem para os Estados Unidos e outros países


Ao longo dos últimos anos diversos médicos cubanos fugiram do Brasil para os Estados Unidos e outros diversos países pelo mundo.  Isso acontece geralmente quando eles estão próximos de encerrar o período no programa Mais Médicos e precisam retornar para a ilha de Cuba. 

A nossa reportagem teve contato com médicos que trabalharam em Caicó e que fugiram para Miami nos Estados Unidos porque não queriam retornar para a ditadura Cubana. Fatos como esses se repetiram por todo Brasil levando centenas de profissionais a abandonar o programa. 

Com a decisão do governo de Cuba sair do Mais Médicos é provável que diversos médicos fujam para outros países ou mesmo fiquem no Brasil pedindo asilo as autoridades Brasileiras. 

Cubanos desligados do Mais Médicos Brasil relatam informalidade e exílio

Wilfredo exerce a função de cuidador de idosos enquanto não consegue trabalhar como médico

Cubanos que trabalhavam no programa Mais Médicos dizem agora viver o desamparo. Desligados das funções, eles estão subempregados ou desempregados e afirmam que não podem retornar para a ilha caribenha. Segundo eles, o governo de Cuba considera que quem não retornou imediatamente ao país depois da dispensa do programa federal é um desertor e, portanto, deve cumprir exílio de oito anos. Nenhuma autoridade do país foi encontrada pelo G1 para comentar o caso.

No estado, cubanos contam que foram mandados embora do Mais Médicos logo depois de irem à Justiça para tentar receber o salário integral do programa, de R$ 11,8 mil. Pelo acordo de cooperação entre os governos brasileiro e cubano, o dinheiro é enviado integralmente ao governo de Cuba, que paga cerca de 30% do valor aos médicos.

"Se voltássemos, teríamos que ficar cinco anos sem poder sair de Cuba. Temos o direito de trabalhar sem o intermédio do governo, não temos? Para onde vai esse dinheiro que tiram da gente? Ninguém sabe", afirma Yanelis Miranda Herrera, umas das que entrou com processo. "Quem está lá [em Cuba] não vê nenhum investimento na saúde. Os hospitais estão com as portas caindo aos pedaços, não tem nem uma tala para imobilizar quem sofreu fratura", diz.

Médicos Neivis e Nivaldo preparam marmita para ganhar a vida

Yanelis foi dispensada do Mais Médicos em julho de 2017, um ano após ser diagnosticada com trombose venosa cerebral – doença que compromete a circulação de sangue no cérebro e pode levar à morte. Ela trabalhava em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. "Ninguém levou em conta o meu quadro ou tudo que fiz pela população daqui. Simplesmente fui chamada pelo chefe da Opas, que me disse: 'Doutora, você está desligada do programa porque entrou com um processo contra o governo cubano. Você vai me dizer a melhor data para que termine tudo aqui, vão te mandar a passagem e você vai voltar para Cuba. Acabou'". "Eu respondi que não poderia voltar, porque minha doença me impedia de ficar em um avião por 9 horas. Ele respondeu: 'Não sei, não é meu problema, você precisa voltar'", relata.

Ela ficou. Após a demissão, deixou o apartamento em que morava com o marido brasileiro e o filho de oito anos e foi ocupar um quarto na casa da sogra, em Curitiba. Até hoje está desempregada. "Estou procurando emprego de telefonista ou secretária, mas ninguém aceita uma médica nessa função. O que me resta é estudar, todos os dias, para revalidar meu diploma".

Registro do CRM

Fora do Mais Médicos, os estrangeiros não podem exercer a profissão sem registro do Conselho Regional de Medicina (CRM). Para isso, eles precisam de aprovação no Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira (Revalida).

O exame é sempre realizado em duas etapas. A primeira consiste em uma prova com 100 questões múltipla escolha. Já a segunda é uma prova clínica, na qual os candidatos passam por diversas estações que simulam atendimentos a pacientes.

Quatro freiras sobrevivem a capotamento na BR-427 próximo a Serra Negra do Norte

Minivan ficou destruída após capotar — Foto: PRF/Divulgação

Quatro freiras sobreviveram a um capotamento de carro nesta quinta-feira (15) na BR-427, na altura da cidade de Serra Negra do Norte, no interior potiguar. Todas usavam cinto de segurança, segundo informou a Polícia Rodoviária Federal.

Ainda de acordo com a PRF, duas das religiosas escaparam ilesas, uma teve ferimentos leves e a outra fraturou um braço. As freiras, que têm entre 40 e 60 anos, haviam saído pela manhã da cidade de Cajazeiras, na Paraíba, a caminho de Tibau do Sul, no litoral Sul do RN.

No caminho, ao tentar desviar de um buraco na rodovia, a freira que conduzia o veículo, uma minivan modelo Spin, acabou perdendo o controle da direção e o carro capotou.

“Ainda bem que todas as religiosas estavam usando cinto. Isso demonstra a importância dos equipamentos de segurança”, ressaltou o inspetor Roberto Cabral, da assessoria de comunicação da PRF.

Fonte: G1-RN

Dia 15 de Novembro - Proclamação da República