Antecipação do 13° salário dos servidores do Estado do RN é incerta

A frustração de receita do Estado do Rio Grande do Norte está tornando incerta a antecipação do 13° salário dos servidores. O Governo do Estado alega dificuldades financeiras para o adiantamento, mas confirma que o pagamento será realizado até 20 dezembro, data prevista pela legislação trabalhista.

Segundo a assessoria da Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças (Seplan), a frustração de receita em âmbito estadual foi de 226,4 milhões até 31 de maio, o que representa 5,48% de redução em relação ao orçamento previsto para este ano.

Apesar das dificuldades financeiras, o Governo do Estado reitera o compromisso com o pagamento do 13° até a data prevista por lei.

0 comentários: