Esposa é presa suspeita de participar da morte do Cabo Rangel; Defesa nega

A Justiça cidade de Caicó da decretou nesta quarta-feira a prisão preventiva de Rita de Cássia Rangel, sob acusação de participação na morte do seu próprio esposo, Cabo PM Rangel, que foi executado a tiros no últimos mês de abril no bairro Alto da Boa Vista na zona norte de Caicó.

A mulher recebeu voz de prisão quando participava de uma oitiva na Delegacia de Policia Civil em Caicó. A defesa de Rita de Cássia feita pelo advogado Bartolomeu Linhares sustenta inocência da sua cliente e disse que vai tomar as providências cabíveis para garantir a ampla defesa da sua cliente.

0 comentários: