TSE confirma teto de gastos eleitorais para cada candidato nos municípios do RN

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou, na tarde desta quarta-feira (20), o limite total de gastos dos candidatos a prefeito e vereador para as eleições deste ano, em cada município brasileiro.

O teto dos gastos, de acordo com a Reforma Política sancionada no ano passado, será 70% do valor gasto pelo candidato ao cargo que declarou maior despesa no último pleito. O limite máximo de despesas para os candidatos a prefeito começa em R$ 100 mil e para vereador em R$ 10 mil, nos menores municípios.

Em Natal, maior colégio eleitoral do Rio Grande do Norte, com 534.532 eleitores, os candidatos a prefeito poderão gastar até R$ 5.490.293,93 no primeiro turno e 1.647.088,18 no segundo turno. Os concorrentes às vagas na Câmara Municipal terão teto de gastos fixado em R$ 339.352,08. Em Caicó, o teto para prefeito é de R$ 276.337,41. Já o limite para vereador ficou em R$ 45.953,79.

0 comentários: