Passa de 100 o número de ataques no RN, diz Secretaria de Segurança


Pelo menos 106 ataques criminosos foram registrados em 36 cidades do Rio Grande do Norte. É o que informa o mais recente boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesed). O primeiro ataque aconteceu na tarde da sexta-feira passada, dia 29 de julho, quando um micro-ônibus foi incendiado na BR-304, em Macaíba, cidade da Grande Natal. A instalação de bloqueadores de celular na Penitenciária Estadual de Parnamirim, que também fica na região Metropolitana da capital potiguar, é apontada pelo governo como motivo dos atentados. O equipamento foi instalado no dia anterior.

Os principais alvos dos criminosos são ônibus, carros, prédios da administração pública e bases policiais. Um dos acessos ao aeroporto Internacional Aluízio Alves, e até mesmo a vegetação do Morro do Careca - um dos principais cartões-postais do estado - também foram alvos dos atentados. Ainda segundo a Sesed, do total de 106 ocorrências contabilizadas até agora, 61 delas são incêndios, 30 atentados a fogo, 7 disparos contra prédios públicos e proximidades, 4 ataques envolvendo artefatos explosivos e 4 depredações. Os veículos incendiados (ônibus e micro-ônibus) são 32.

As ocorrências foram registradas nas cidades de Natal, Parnamirim, Macaíba, São José de Mipibu, Caicó, Currais Novos, Caiçara do Norte, Santa Cruz, Mossoró, João Câmara, Jardim de Piranhas, Assu, Tangará, São Gonçalo do Amarante, Touros, Maxaranguape, São Paulo do Potengi, Goianinha, Florânia, São José de Campestre, Canguaretama, Cruzeta, São Vicente, Tenente Laurentino, Jardim do Seridó, Pedro Avelino, Montanhas, Lagoa Nova, São Tomé, Pendências, São Fernando, Rio do Fogo, Itajá, Extremoz, Dix Sept Rosado e Parelhas.

Fonte: G1-RN

0 comentários: