Governo anuncia edital com 8.500 vagas para suprir saída de médicos cubanos

O ministro da Saúde, Gilberto Occhi, disse nesta segunda-feira (19) que o governo vai publicar na terça (20), no “Diário Oficial da União”, edital com cerca de 8,5 mil vagas para o Mais Médicos.

As vagas serão abertas, segundo o ministro, para médicos brasileiros e estrangeiros formados no Brasil.

Ainda de acordo com Occhi, o presidente Michel Temer determinou que o país tenha o menor impacto possível com a saída de médicos cubanos do programa.

Em uma entrevista coletiva, Gilberto Occhi explicou:
Serão 8.517 vagas;
No primeiro edital, todas as vagas serão ofertadas aos médicos (brasileiros e estrangeiros) com registro no CRM do Brasil;
As inscrições estarão abertas a partir das 8h de 21 de novembro até as 23h59 de 25 de novembro;
No ato de inscrição, o profissional escolherá o município disponível para a atuação;
Os médicos devem inicar as atividades nos municípios a partir de 3 de dezembro;
A apresentação dos médicos nos municípios será dia 7 de dezembro.;
No segundo edital, que será lançado em 27 de novembro, serão abertas vagas para brasileiros formados no exterior e estrangeiros;
Os médicos que não tiverem CRM do Brasil ou Revalida e se inscreverem no segundo edital terão de participar do Revalida. Enquanto não fizerem, poderão trabalhar, mas terão que apresentar 17 documentos exigidos pelo governo.

0 comentários: