Caminhada Histórica de Natal reúne quase 5 mil participantes


Lazer, cultura, arte e conhecimento. Uma receita de sucesso que se repetiu neste sábado (30) em mais uma edição da Caminhada Histórica que chegou a sua oitava edição. Os participantes percorreram as ruas da Cidade Alta e da Ribeira, contemplando mais de 50 locais de destaque entre monumentos, prédios, igrejas, casas e praças. Essa é mais uma iniciativa a integrar a programação do Natal em Natal, contando com o apoio da Prefeitura da Capital Potiguar através da Lei Djalma Maranhão.

Nesse ano, o evento contou ainda com novidades que abarcavam questões ambientais e de acessibilidade, além de concursos que voltados aos estudantes, músicos e fotógrafos. Sucesso no calendário de eventos de Natal, a Caminhada Histórica tornou-se referência no resgate cultural da cidade e na valorização de todo o patrimônio histórico, enriquecendo ainda mais o potencial turístico da capital potiguar. Este ano, a preocupação com as questões ambientais foi muito presente.

A contadora Maria Rosa Pereira participou pela terceira vez da caminhada e falou que é sempre gratificante caminhar pelas ruas de Natal, admirando os monumentos históricos da cidade e aprendendo mais sobre o nosso patrimônio: “A nossa cidade possui uma riqueza histórica relevante, mas pouca gente valoriza. A caminhada é um momento fundamental para alertarmos a sociedade sobre a importância da preservação desses espaços para que a atual e as futuras gerações tenham a oportunidade de saber como viviam nossos antepassados, ajudando também a criar esse sentimento de pertencimento”.

O fotógrafo amador Ciro Peixoto viu na caminhada a oportunidade de exercer seu hobby predileto: “Eu sou um apaixonado pela fotografia. Aqui temos um vasto material a explorar”.

Durante a divulgação, todo o material impresso utilizado teve o selo FSC, uma certificação internacionalmente reconhecida que garante a procedência a partir de manejo florestal responsável. Além disso, durante a Caminhada, catadores devidamente cadastrados e identificados trabalharam para impedir o acúmulo de lixo nas ruas e promover a coleta seletiva. As ações de cunho ambiental que têm como mote a frase “Quem ama preserva e cuida do próximo”, reforçam ainda mais o objetivo principal da Caminhada em valorizar a cidade como um todo.

0 comentários: