Suspeito de participar da morte de coronel da PM em Natal é preso em blitz


Um homem, apontado como o segundo suspeito de participar da morte do coronel Nunes, aposentado da PM, acabou preso no final da tarde deste domingo, 12, em uma blitz de trânsito realizada na Avenida Felizardo Moura, no bairro Nordeste, zona Oeste de Natal.

O principal suspeito do crime, o que atirou no coronel, foi morto em um confronto com policiais no dia 28 de dezembro do ano passado em Macaíba. Ele usava tornozeleira eletrônica e foi rastreado pelo monitoramento do equipamento.

A PM informou que o suspeito preso neste domingo estava em uma moto roubada, e que ele ainda estava armado.

A morte do coronel

O coronel Francildo de Souza Nunes, o coronel Nunes, tinha 63 anos. Ele estava em uma loja quando um bandido entrou e anunciou o assalto. Isso foi no dia 28 de dezembro, na Avenida Princesa Isabel, no bairro de Cidade Alta.

Enquanto fazia de reféns todos os clientes que estavam na loja, o criminoso percebeu um volume por baixo da roupa do coronel e disparou contra ele. O assaltante fugiu com a ajuda de um comparsa, que o aguardava em uma moto do lado de fora da loja.

Fonte: Agora RN

0 comentários: