América de Natal promete expulsar torcedores envolvidos em briga


O América de Natal publicou um comunicado nesta segunda-feira, 17, informando que expulsará os torcedores envolvidos na briga do último sábado, 15, ocorrida nas proximidades da Arena das Dunas. O confronto aconteceu um pouco antes do jogo América x CRB-AL, válido pela Copa do Nordeste, e resultou no brutal espancamento de um torcedor do ABC.

O clube afirmou que tais atitudes em nada se relacionam com os propósitos da instituição.

“A bem da verdade, não podemos passar incólumes por atos de barbárie, ainda que a questão seja exclusivamente de segurança pública. Essas situações estão cada vez mais corriqueiras e é preciso que tenhamos um ‘basta final’, que só virá com medidas reais e concretas das autoridades públicas constituídas.” afirma o comunicado.

“Os verdadeiros amantes do futebol e dos seus clubes não mais aguentam a reiteração de tragédias anunciadas. A antiga rivalidade entre os clubes de Natal e do Nordeste deram lugar a batalhas que levam seres humanos à perda da vida e, por consequência, fazem com que outros milhares percam o prazer de ir à campo.”

O América reiterou a necessidade de políticas públicas mais eficientes no combate a esses episódios, que provocam insegurança pública.

“Confiamos, respeitamos e nos colocamos para auxiliar Judiciário, Ministério Público e Polícias no que for possível e de nosso alcance, como sempre fizemos. Conclamamos todos, assim, para nos unirmos neste propósito, os americanos e, especialmente, os torcedores de outras cores, para que saiamos do mero discurso e passemos para a prática efetiva das ações necessárias, duras e possíveis.” disse o clube.

“Não podemos mais tolerar atos de selvageria movidos simplesmente pelo ódio vazio – seja como seres humanos, primeiramente, seja como torcedores –, razão pela qual exigimos posição forte dos mandatários da lei, a fim de que ela se faça cumprir, para o bem de todos, do nosso futebol e dos nossos clubes.” continuou.

Concluindo o comunicado, o clube fez um apelo a qualquer um que possa contribuir com a identificação dos agressores, que, após constatação de se tratarem de sócios ou associados da agremiação, serão permanentemente exclusos da instituição.

0 comentários: