FIART recebeu 60 mil visitantes na edição de 2020

J

Dança, comida típica, música, arte e poesia pelos quatro cantos do Centro de Convenções, em Natal, durante dez dias (24 de janeiro a 2 de fevereiro). Assim, foi a 25ª Feira Internacional de Artesanato (FIART), com o tema “Inspiração e Arte, Negócios e Tradição”, que referencia a importância do evento e coloca o artesanato potiguar em evidência.

Com presença de 1.500 artesãos de todo o Brasil, a FIART recebeu uma média de 60 mil pessoas que foram em busca do artesanato, da cultura e da arte potiguar durante os dias de exposição.

Entre bordados, chita fina, cambraia, renda, pinturas em telas, pratos e garrafas, esculturas em barro e madeiras, cerâmicas, comidas típicas, além de muito folclore, o coordenador geral da Feira, Neiwaldo Guedes, comenta que foi a melhor dos últimos anos “ainda estamos fechando os números, mas podemos afirmar que atendeu todas as expectativas. Foi uma edição especial, com inovação tanto de expositores quando na programação cultural. E atingiu uma renda de aproximadamente sete milhões de reais”, conclui o organizador.

E, nessa edição, o Festival Fiart Cultural encantou os visitantes com a programação permeada de folclore, dança, poesia e muita música levada aos espaços do Centro de Convenções por mais de 1.400 artistas e folcloristas potiguares. A feira, reconhecendo a importância dos 72 anos de trabalho dedicados ao folclore do RN, homenageou, através de alguns nomes, a Comissão Norte-Rio-Grandense de Folclore – que realiza trabalhos de pesquisa documentação e estudos na defesa e divulgação dos costumes potiguares.

Além disso, a Mostra Competitiva Parafolclore premiou em um total de R$ 6 mil. Os vencedores foram: 1º lugar – Bale Terras Potiguares (Passa e Fica – RN); 2º lugar – Eita Projeções Folclóricas (João Pessoa – PB); 3º lugar – Xaxado de Parnamirim (Parnamirim-RN); 4º lugar – Boi de Reis Bom Pastor (Natal – RN); 5º lugar – Coco Juremado RN | As Flechas (Natal-RN) e 6º lugar – Folia de Rua Potiguar (Natal-RN).

Agora RN

0 comentários: